Sustentabilidade

Portugal na vanguarda da sustentabilidade na gestão da energia e recursos

Portugal na vanguarda da sustentabilidade na gestão da energia e recursos

O ISQ vai receber, pela 2ª. vez, nos dias 8 e 9 de março o consórcio internacional do projeto Maestri. Trata-se do Projeto Europeu de investigação e desenvolvimento – Energy and Resource Management Systems for Improved Efficiency in the Process Industries – que visa a criação de um sistema integrado de gestão da energia e recursos, com o objetivo de desenvolver e aplicar metodologias de promoção da ecoeficiência na indústria: “fazer mais (valor), com menos (recursos)”.

Este projeto permitirá uma redução do consumo, e uma poupança da ordem dos 20% nos próximos quatros anos, contando já com 6 meses de execução. Por isso mesmo, a segunda reunião do projeto, que se realiza nos dias 8 e 9 de março em Portugal, visa discutir o seu progresso, bem como dar a conhecer aos parceiros europeus as duas indústrias portuguesas onde serão demonstrados os desenvolvimentos: peças metálicas e componentes metalomecânicos.

No primeiro dia a reunião decorrerá na sede do ISQ, em Porto Salvo, e serão apresentados e debatidos os desenvolvimentos das várias atividades que se iniciaram nos primeiros 6 meses do projeto e posteriormente serão discutidas as tarefas para os próximos 6 meses.

No segundo dia de reunião, será feita a visita aos parceiros industriais GLN Plast (Fábrica de injeção de peças plásticas), na Maceira, e MCG Mind for Metal (Fábrica de componentes metalomecânicos), no Carregado.
Esta visita tem como objetivo observar/conhecer os sectores de produção onde será implementado e testado o sistema integrado de gestão de energia e recursos, permitindo desta forma aos restantes parceiros uma melhor compreensão dos seus processos, facilitando assim o desenvolvimento das próximas fases do projeto.

Este projeto, financiado pela Comissão Europeia, no âmbito do Horizonte 2020, Programa-Quadro Comunitário de Investigação & Inovação, é liderado pelo ISQ, tratando-se do primeiro e único com coordenação portuguesa no concurso do SPIRE – Indústria de Processos Sustentável.

O MAESTRI tem uma duração de 4 anos e está a ser desenvolvido por um consórcio de 15 entidades europeias oriundas de 5 Estados Membros (Portugal, Alemanha, Itália, Polónia e Reino Unido), liderados pelo ISQ. O seu orçamento total ronda os seis milhões de euros, dos quais cerca de dois milhões estão associados à participação portuguesa. Os desenvolvimentos do projeto serão testados em quatro instalações industriais na Europa, duas em Portugal e duas na Alemanha.

Fonte: ISQ


Outros Artigos Interessantes:

Fórum Engenharia Portugal
Equilibristas da Construção Civil - Parte 2
Posicionamento Óptimo de Torres de Energia Eólica
Grua Colapsa e Atravessa Edifício
Portagens nas SCUT Tornam Turismo em Portugal Incomportável
Curso de Avaliação de Bens Imobiliários
Obras de Jardim Prosseguem Apesar de Crise
Bitola Europeia para Baixar Custos

Comentários

Sem comentários.

Comentar