Estradas

O Perfilómetro Laser da Estradas de Portugal


Apesar da crise nacional e em especial da crise na construção, ainda há quem acredite na necessidade de investimento em equipamento sofisticado de Engenharia. É o caso da Estradas de Portugal SA, que adquiriu recentemente um dispositivo automático de inspecção de pavimentos rodoviários, um perfilómetro laser, o primeiro em Portugal (apesar de ser utilizado há muitos anos nos EUA e em alguns países europeus). Este equipamento permite de forma eficiente e rápida, analisar e caracterizar a superfície do pavimento, dispensando parcialmente as morosas campanhas regulares de inspecção visual e medição da textura e regularidade.
Segundo a EP, o perfilómetro laser permite um levantamento fiável a uma velocidade de até 90 km/h, o que representa uma grande vantagem para a empresa, tendo em conta a enorme extensão (14 000 km) de estradas que tem a seu cargo.
Mas será que este avultado investimento, de cerca de 250 000 euros, faz sentido numa altura de grandes dificuldades nacionais e da própria EP? E terá sido o equipamento mais adequado à vasta gama tipológica de estradas geridas pela empresa? Não serão os sensores laser uma alternativa excessivamente cara em comparação por exemplo com os sensores ultrassónicos?

Comentários

Sem comentários.

Comentar