Notícias

Sector da Construção pode Perder 12 mil empresas

A Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN) alertou mais uma vez para a situação catastrófica em que as empresas do sector da construção se encontram, prevendo a possibilidade da falência de mais de 12 mil empresas em 2012.

As principais razões apontadas são a falta de pagamento do estado, aos empreiteiros e as dificuldades que os bancos estão a colocar à abertura de créditos.
A AICCOPN prevê também que até meados de 2012, o sector da construção gere mais de 60 mil desempregados. O ritmo actual de falências de empresas é de 14 por dia e cerca de 360 trabalhadores perdem o emprego diariamente.

Fontes: AICCOPN, Caacci

Comentários

Sem comentários.

Comentar